terça-feira, 5 de julho de 2011

De como eu irrito o Rupert

Andava a dar volta aos blogs e vi, num deles, umas das coisas com que eu consigo irritar o Rupert.


Sim. Eu passo horas a cantar-lhe isto - ainda hoje - para o ver irritado! Quando nos conhecemos eu ainda andava com a música no mp3 e de vez em quando ouvi-a. Um dia calhou ele a ouvi-la e às palavras "esta música irrita-me" eu respondi "obrigada por avisares". Acho que no momento ele não percebeu que aquela informação seria usada contra ele, mas hoje arrepende-se todos os dias de me ter dito aquilo!

Por isso, Rupert, esta é para ti:

Tô nem aí, Tô nem aí...
Pode ficar com seu mundinho eu não to nem aí
Tô nem aí, Tô nem aí...
Não vem falar dos seus problemas que eu não vou ouvir..

Tô nem aí, Tô nem aí
Tô nem aí, Tô nem aí
Tô nem aí, Tô nem aí, pode ficar com seu mundinho eu não to nem aí

4 comentários:

Rupert disse...

sim eu não gosto da música...mas eu não tenho culpa de ela ser extremamente repetitiva...

Clëo disse...

Desculpa lá, mas é linda!!! :)

Soraia disse...

Obrigada por me seguires :)
E coitado do Rupert :b

Clëo disse...

Soraia: :)
coitado nada! Ele também tem muitas maneiras de me irritar!

Top 10